Banner

Entrevista com o Presidente da Agehab Luiz Stival

No final do mês de novembro Luiz Antonio Stival concedeu entrevista exclusiva a Roberto LaraFausto Costa para o Portal Canedo, Stival é Presidente da Agehab (Agência Goiana de Habitação) e fez uma avaliação positiva do trabalho da Agência no ano de 2015, falou sobre a regularização fundiária que acontece em Senador Canedo e ainda sobre as perspectivas para o ano de 2016, Confira:

Roberto Lara: Vamos começar com o Valéria Perillo, como está o andamento, já terminou o cadastramento das famílias para a entrega das escrituras?

Luiz Stival: Estamos iniciando um trabalho muito forte em Senador Canedo e região, hoje a AGEHAB está presente mais uma vez no município com ações importantes que vem atender as demandas, estive com o Prefeito Misael Oliveira, com o Deputado Sérgio Bravo, com os vereadores que estiveram presentes em uma audiência onde fizemos uma reunião com todas as famílias a exatamente 2 meses atrás no qual nós anunciamos o início do cadastramento do processo de regularização fundiária do Valéria Perillo, são 965 imóveis que estão sendo cadastrados, 70% desses imóveis já foram cadastrados, a equipe da AGEHAB está de porta em porta visitando essas famílias para fazer esse cadastro e que posteriormente feito e conferido, vamos fazer outro evento para colher as assinaturas dessas escrituras para depois futuramente levar para registro no cartório, e depois fazermos mais um evento para a entrega das escrituras. Então é por etapas que estamos cumprindo a determinação do Governador Marconi Perillo, o Governador tem dado uma atenção muito especial a Senador Canedo, ele determinou para iniciarmos esse trabalho, com isso nós estamos consolidando mais essa ação no Valéria Perillo como demais outros setores onde também iniciamos os cadastramentos.

Roberto Lara: O cadastramento do Jardim das Oliveiras já teve início?

Luiz Stival: Já teve início, no Jardim das Oliveiras da mesma forma que fizemos no Valéria Perillo fizemos uma reunião com todos os moradores do bairro onde aconteceu o lançamento do cadastramento desses imóves. São aproximadamente 1.208 imóveis que estão no cadastramento final do Jardim das Oliveiras, pedimos o apoio da comunidade e dos moradores pra que receba os nossos cadastradores que estão devidamente identificados com crachás e uniformes da AGEHAB. As pessoas que não fizerem esse cadastro não vão receber suas escrituras, acontece muito quando vamos entregá-las, eles falam "há eu não recebi a minha", então se não tem é porque não fizeram o cadastro, portanto caso não fizeram, procurar o centro de apoio do jardim das oliveiras pra cadastrar o imóvel que não foi cadastrado, é muito importante essa fase. Quero enfatizar que podem acreditar porque no passado se fizeram muitos cadastros e nada aconteceu, então esse já é um trabalho consolidado em menos de 3 anos a AGEHAB tem entregado as escrituras, tem cumprido esses compromissos, então jardim das oliveiras não será diferente, é preciso conscientizar os moradores para que não deixe de fazer esse cadastro.

Roberto Lara: Para enfatizar essa questão do cadastramento? as pessoas que não são encontradas, os técnicos voltam no imóvel até quantas vezes?

Luiz Stival: os nossos técnicos cadastradores voltam até 5 vezes no local, mas indo 1, 2 vezes e não encontrando, eles não ficam perdendo tempo pois a demanda é muito grande, a pessoa vendo a demora pode procurar a base de apoio da AGEHAB que fica na Praça Criativa no Jardim das Oliveiras, ou ligue no 3096-5000 para falar no departamento de regularização fundiária que eles vão indicar as pessoas para fazer esse cadastramento.

Fausto Costa: Os bairros próximos como o Jardim Liberdade, também estão dentro do programa, você tem conhecimento e existe algum planejamento para esses bairros?

Luiz Stival: Especificamente eu não conheço o Jardim Liberdade, só precisava me identificar se é uma área de domínio do estado, porque quando não é, a responsabilidade é do município, muitas das vezes temos um convênio de cooperação com os municípios nesse sentido para dar o apoio técnico, mas quem tem a responsabilidade de regularizar é o município.

Roberto Lara: O senhor tem uma data específica na questão do conjunto Uirapuru?

Luiz Stival: O Conjunto Uirapuru são 137 imóveis que nós estamos preparando para iniciar os cadastros, estamos fazendo uma mobilização da nossa equipe técnica para cadastrar esses moradores, vamos marcar a data com essas famílias, para dar início aos cadastramentos.

Roberto Lara: É o mesmo processo do Conjunto Sabiá?

Luiz Stival: Não, o Conjunto Sabiá é um processo diferente, que se arrasta por vários anos, porque tem uma pendência no passado, as famílias deixaram de pagar as parcelas, o governador veio e aportou recurso, quitou esse débito com a Caixa Econômica Federal, agora estamos naquele processo de tramitação, ou seja, a AGEHAB está preparando todo esse procedimento, depende da prefeitura, é um trabalho em conjunto, esse processo vai estar sendo discutido com a Caixa Econômica, porque esses imóveis tem que passar para domínio da AGEHAB e futuramente nós discutirmos com a equipe técnica sobre a entrega dessas escrituras para as famílias, tomamos todas as providências para buscar uma solução mais rápida nessa questão que não está dependendo única e exclusivamente da AGEHAB.

Roberto Lara: como está o andamento da escrituração no Jardim das Aroeiras na Região Leste de Goiânia?

Luiz Stival: Já entregamos no Jardim das Aroeiras uma etapa das escrituras, num total de 96 imóveis que estão sendo regularizados, 25 escrituras já foram entregues e estamos cadastrando mais 69 pra fechar essa etapa. É feita a coleta depois as entregas. Quero tranqüilizar a todos que esta tudo dentro do planejamento, como já entregamos no Jardim das Aroeiras vamos entregar mais etapas.

Fausto Costa: como está a situação no Conjunto Morada do Morro?

Luiz Stival: Morada do Morro também está dentro do nosso planejamento, porque hoje em senador Canedo nós temos várias frente de trabalho, e a boa notícia é que o próximo início de cadastramento será no Morada do Morro já no inicio do ano de 2016.

Roberto Lara: Faça um resumo desse ano, como analisa o trabalho, as conquistas, os projetos realizados nesse ano de 2015 pela AGEHAB.

Luiz Stival: Com todas essas dificuldades que o governo está passando, não só o governo de Goias, mais uma crise que o país está atravessando, vemos que o nosso governo tem trabalhado muito, tem enfrentado a crise com trabalho, e os números são positivos diante dessa crise. Eu faço parte, eu sou vice presidente da Associação Brasileira de COHABs onde congrega todos os secretários de estados, presidentes de agências do Brasil inteiro, semana passada eu estava numa reunião em Brasília com o ministro definindo a política habitacional pra 2016, e estava ouvindo nosso colega de um estado rico, São Paulo, reclamando que paralisaram obras por falta de recursos, e nós aqui em Goiás estamos sobressaindo com trabalho e ação concreta nos municípios. Hoje a AGEHAB pilota junto com o governador, o maior programa habitacional da história de Goiás, são mais de 165 mil famílias já atendidas com o programa, seja de programa de construção de casa, reforma ou cheque comunitário, construção de creches, demonstrando o alcance social do nosso programa. Entregamos quase mil casas concluídas e entregues e outras 22 mil já estão em fase de entrega, ou seja, aquela que está faltando 90% que é quando falta somente detalhes finais como água, energia e já foram entregues quase 9 mil com os moradores já habitando. Temos o conjunto Vera Cruz, que são 1.616 apartamentos que estão sendo construídos pela AGEHAB junto com a Caixa Econômica Federal para atender milhares de famílias, 1.050 unidades de casas que estão sendo construídas no cerrado 10, mais 800 apartamentos que são obras em andamento em Aparecida de Goiana com previsão de entrega para 2016, mais 640 apartamentos em Anápolis no São Cristovão que serão concluídos em dezembro, aproximadamente 800 apartamentos em Caldas Novas, 500 casas em Uruaçu, 1.000 casas em Jataí que falta apenas a agenda da Presidente Dilma confirmar a data para inaugurar junto com o Governador. Em tempos de dificuldades é notório o volume de obras em Goiás, quero destacar o trabalho da secretária da Fazenda Ana Carla Abrao Costa, que com o mínimo de recurso está atendendo todo esse volume de obras que temos. Estamos tendo muita criatividade, muita força de vontade, toda nossa equipe da AGEHAB faz um trabalho extraordinário, todos com muito otimismo. Isso tudo faz a diferença nos investimentos, e para vocês terem uma idéia são mais de 346 milhões de investimentos que o governo de Goiás fez nesses últimos anos só através do cheque mais moradia, demonstrando o compromisso do nosso governo e principalmente da AGEHAB com essas famílias. Quero enfatizar que a AGEHAB foi indicada recentemente pela comissão de desenvolvimento urbano da câmara dos deputados pelo Programa de Regularização Fundiária do Estado de Goiás, foi indicada pelo ex presidente dessa Agência que hoje faz parte da comissão, deputado federal Marcos Abrão, Deputado que tem feito um trabalho importante em Brasília, ele tem ajudado muito nosso governador, por ele ser um grande conhecedor dos programas, também destaco o trabalho que a Senadora Lúcia Vânia faz no senado federal, senadora que é municipalista, que tem nos ajudado muito junto com o governador, tem trazido muitos recursos importantes como exemplo inauguramos recentemente no Jardim Curitiba um complexo, uma praça, um CMEI, Centro comunitário, fruto do trabalho que ela vem fazendo junto com o deputado e com o governador em Brasília através de obras do PAC que ela tem garantido para Goiás, isso é um trabalho que merece ser destacado.

Postar um comentário

0 Comentários